sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Fusões e Aquisições de Empresas

Nossa experiência mostra que o mais importante é a avaliação e essencial é a seleção de dois lados: compra e venda.
Uma aquisição só tem êxito quando a empresa intermediária tem controle do processo. Isso significa conhecer a compra: a filosofia do grupo, os objetivos futuros com a aquisição, os objetivos do grupo comprador para a empresa adquirida. E por outro lado conhecer a venda: indicadores sociais e financeiros, perfil de diretores e funcionários.
Finalmente, o diagnóstico inicial deve ser cruzado com o perfil de compra e só se uma sinergia do negócio e as pessoas é possível abrir uma negociação.
Valluation e Due Dillengence são outros processos que visam verificar a apresentação. A avaliação financeira é importante, mas o sucesso será a integração de processos e tecnologia de negócios.
Os números são o resultado de pessoas que superam e transformam barreiras em oportunidades.

Acredito que o maior sucesso na aquisição de uma empresa é também a avaliação de processos, pessoas e como a liderança impulsiona o processo. A cultura das empresas envolvidas determinam o sucesso ou fracasso de uma fusão ou aquisição de negócios.